A CANELA E POSSÍVEIS EFEITOS BENÉFICOS

A CANELA E POSSÍVEIS EFEITOS BENÉFICOS

Muito se tem escrito e falado acerca da canela, para além, da utilização nas mais vastas preparações culinárias, a canela é considerada para alguns um fármaco importante no tratamento de doenças respiratórias, digestivas e ginecológicas, sendo também supostamente um elemento de extrema importância na perda de peso.

Quase todos os componentes da canela têm utilidade médica ou culinária, desde a casca, as folhas, as flores, as frutas e as raízes. Relativamente, aos óleos voláteis, obtidos a partir das cascas, folhas e raízes, a sua composição química poderá variar muito e nesse sentido poderá variar igualmente quando aos eventuais efeitos benéficos.

Existem duas variedades principais de canela, a Cinnamomum zeylanicum (CZ), conhecida como “a verdadeira canela”, e a Ceylon cinnamon (CC), cuja principal diferença consiste no teor em cumarina, apresentando a canela CC maiores teores deste composto. De realçar, que esta última quando consumida em grandes quantidades e regularmente, acarreta risco para saúde.

Segundo o Instituto Federal da Alemanha (BfR), 1 kg de CC em pó contém aproximadamente 2.1-4.4 g de cumarina, correspondendo a 1 colher de chá de CC. Na realidade, estas quantidades, ultrapassam as Doses Diárias Toleráveis (DDT) de cumarina, cuja concentração recomendada pela Autoridade Europeia de Segurança Alimentar (EFSA), é de 0.1 mg/kg de peso corporal/dia. Já a “verdadeida canela” ou CZ apresenta quantidades insignificantes de cumarina.

MAS O QUE É A CUMARINA?

A cumarina é um fitoquímico com fortes propriedades:

  • Anticoagulantes
  • Cancerígenas
  • Hepatotóxicas

PROPRIEDADES BENÉFICAS DA “VERDADEIRA CANELA” – CZ

  • Anti-inflamatória
  • Antioxidante
  • Antimicrobiana
  • Redução da glicemia
  • Otimização da função cognitiva
  • Redução do colesterol
  • Redução da pressão sanguínea
  • Redução da doença cardiovascular
  • Redução do risco de cancro do cólon

MECANISMOS DE ATUAÇÃO DA CANELA – CZ

Os mecanismos subjacentes à redução dos valores de glicemia pela canela CZ, podem dever-se à:

  • Diminuição de absorção de glicose a nível intestinal, por inibição enzimática
  • Estimulação da captação de glicose pelas célulasEFEITO ANTIDIABÉTICO
  • Síntese de glicogénio
  • Libertação de insulina
  • Maior atividade do recetor da insulina
  • Inibição da gliconeogénese por efeito nas enzimas reguladoras

Quanto aos mecanismos associados à melhoria do perfil lipídico, poderão ser:

  • Elevada quantidade de fibra, traduzindo-se na redução de absorção intestinal de lípidos
  • Elevada quantidade de vitaminas e/ou antioxidantes, parecem favorecer o metabolismo lipídico
  • Aumento serológico dos níveis de insulina, após administração da canela CZ, contribui igualmente para redução dos valores de lípidos

No que concerne a pressão arterial, os mecanismos eventualmente relacionados carecem de mais investigação, embora se apontem alguns mecanismos como a vasodilatação periférica. Os constituintes fenólicos da canela CZ parecem também desempenhar papeis quanto à capacidade antioxidante e captação de radicais livres.

No que respeita a ação antimicrobiana, esta parece estar associada ao aumento do potencial hidrofóbico, derivado dos óleos essenciais, que altera a estrutura e integridade da membrana celular.

Referência bibliográfica: Medicinal properties of ‘true’ cinnamon (Cinnamomum zeylanicum): a systematic review. Ranasinghe et al. BMC Complementary and Alternative Medicine 2013

Fonte da imagem: Cinnamon


Achou interessante? Partilhe este artigo:


Ao continuar a visitar este website está a concordar com a utilização de cookies. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close